30 janeiro, 2012

#059 - Gary Holt, Exodus. No Wikimetal !!!

Poucas pessoas conseguem atingir o status de serem reconhecidas como Lendas.

Gary Holt é uma delas.

Foi um orgulho imenso poder falar com o guitarrista líder do Exodus que conversou com o Wikimetal num papo super descontraído, contando várias histórias e pedindo sons incríveis.

O Orgulho Nacional é indicação de WikiBrother e vem lá de Goiânia. E a promoção, como não podia deixar de ser, vale um CD do Exodus. É ouvir e participar.

Neste episódio: Exodus, Metallica e Disaffection
Promoção: CD Exodus

Ouvir  Download  RSS  iTunes

17 comentários:

  1. Nao terminei de ouvir o episodio, tenho o costume de deuxar mensagem aqui so quando escuto por completo, mas senti me na oobrigacao de quebrar o protocolo e deixar ja a minha opiniao no meio, pois um fato chamou me a atencao.

    Eu so tenho 2 explicacoes pelo fato de muita gente nao curtir o Force of Habit:

    1) Nao escutou direito

    ou

    2) a mais provavel eh q eh um disco que se assemelha muito ao Megadeth, e dai muita gente torce o nariz, se bem q isso nao eh demerito algum. A Architect of Pain eh epica e uma faixa longa historica, na minha opiniao. E os solos estavam mais inspirados pela dupla HO-Hu.

    ResponderExcluir
  2. Continuando:

    Terminei de ouvir o programa e foi demais mesmo, o Gary eh o cara.

    Mais algumas observacoes:

    1) "Bitch" do Force of Habit eh um cover dos Stones, nao eh musica propria.

    2) Century Media e a Nuclear Blast sao selos totalmente independentes. Enquanto a Century Media foi fundada nos USA e foi incorporada a EMI nos ultimos anos, a Nuclear Blast eh alema, mas precisamente fundada na cidade de Donzdorf.

    Por questoes de mercados, existe a Nuclear Blast America e a Century Media tinha escritorios na Europa taopouco.

    Acho que a confusao do Dani se deve ao fato delas terem compartilhado num dado momento e em dados mercados distribuicao e representantes em comum, compartilhados, mas na Europa e USA sempre foram 2 coisas a parte. Fica ai o esclarecimento para evitar confusoes.

    ResponderExcluir
  3. Giba,

    Valeu pelos comentários sempre pertinentes !!!
    Esta é a prova viva que a teoria do "Wiki(Colaboração)Metal" funciona na prática !!!

    A confusão deve-se à frase "The song chronicled Exodus's time under Century Media (of which Nuclear Blast is a subsidiary).", ou seja, a frase que afirma que a Nuclear Blast é uma subsidiária da Century Media...

    Essa frase está em muitas biografias do Exodus na rede.

    De qualquer jeito, é provável que alguém escreveu (errado) e isso se disseminou na Internet.

    O fato é que as 2 são realmente independentes embora mantenham uma parceria estratégica.

    Fica a lenda já que a própria História da proibição do "Crime Of The Century" também não é uma história confirmada...

    Abração, Daniel !!!

    ResponderExcluir
  4. Dani,

    Quanto a questao da suposta musica, cujo titulo faz uma mencao acida a Century Media e a historia da banda e gravadora terem rompido, isso de fato aconteceu. O Exodus na primeira vinda em 98 deu uma entrevista no extinto Furia da MTV e comentou na epoca a briga, o litigio com a gravadora por causa de pagamentos e que havia um plano do CD Another Lesson in Violence ser primeiramente lancado e disponibilizado em video, inclusive existe 3 musicas em video deste show que saiu no CD. Foi o show de reuniao da banda que tinha acabado em 92 devido ao fracasso nas vendas do Objection Overruled e o Force of Habit qdo como vc mesmo disse nesta epoca eram artistas do cast duma gravadora major como a Capitol Records e foi pifio a venda dos mesmos.

    ResponderExcluir
  5. Outra info importante, Dani, alias peco desculpas por estar alugando o espaco e falando muito eh que a Impaler que saiu no Tempo of Damned eh uma musica da era do Kirk Hammet no Exodus e tambem de sua autoria e levou 20 anos para ser gravada.

    Alias, ouca esta faixa e depois a "Trapped Under Ice" voce sabe de quem e faca as devidas comparacoes.

    ResponderExcluir
  6. Andre Eberti31/1/12 10:05 AM

    Amigos...eu nao ouvi ainda, pois estou baixando agora...

    Mas confesso que qdo li no celular aki no site o nome GARY HOLTH...confesso que berrei entre o Brás e o Pq Dom Pedro dentro do metrô, dessa forma: "HOLYYYY SHITTTTTTTTTTT"... rsrsrsrs


    Mal espero para ouvir...

    EXXXXXXODUUUSSSSSS.... \,,/

    ResponderExcluir
  7. Douglas Jason31/1/12 10:31 AM

    WikiTrio, eu quero Agradecer pela atenção e pelo som animal do Disaffection que vcs mandarão aí.

    Abração!

    ResponderExcluir
  8. Muito legal o episódio, gostei das músicas escolhidas. To aguardando o show do Exodus no Metal Open Air, o Gary convenceu em suas poucas palavras que vai ser loucura mesmo.

    Agora to ansioso pelo próximo episódio. Não vou chutar nenhum palpite porque esse é o segredo da vida: "Sem expectativas, não há decepções." Espero muito que seja um entre 3 figuras que vieram na minha cabeça, mas se eu falar aqui e não for nenhum dos 3 vai ser triste hehe.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  9. mais um episodeo fantastico com o incrivel Gary Holt do exodos,a entevista ficou otima,as musicas escolhidas estao demais principalmente a q o rafinha escolheu PIRANHA do exodos e muito foda..a promoçao esta muito boa .
    como sempre o wikimetal esta demais parabens..
    abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. e eu genio,me atrapalhei e errei escrevi exodos ao inves de exodus

      Excluir
  10. Valeu Dani e Rafa pelo excelente episodio!! Manaus esta mesmo numa expectativa muto boa, ansiosa pelo dia 19 de abril (no dia do indio, teremos um gigante do Metal em plena selva amazonica e terra das piranhas, mais sugestivo, impossivel eheheh). Eu considero o Exodus um dos Big 5 do Thrash, e conheço parte da equipe da produtora que os está trazendo pra cá, um enorme esforço que culminará num puta show, num grande evento, pois como vs sabem até temos um publico bom e uma cena local consistente, com inclusive grandes bandas (Glory Opera e Nekrost, só pra constar) mas a cena ainda é pífia nas grandes produções, eles estão de parabens e obrigado por divulgar!
    A promo está demais, e o Rafa com esses erros: e a próxima musica é:... fica de olho, metal, ahah!
    AguaRdamos a surpresa d epis. 60, abração e me despeço ao som de STRIKE OF THE FUCKING BEAAASSSST!!

    ResponderExcluir
  11. Giba, como sempre vc recheando o nosso site com muitas informações boas. Grande parceiro continue sempre contribuindo.

    André, espero que vc tenha gostado do episódio. O cara foi muito legal na entrevista, e os sons escolhidos tb são otimos.

    Douglas, a banda é muito boa mesmo. Valeu vc pelas dicas.

    Maurício , pode ser que o cara não seja nenhum dos três que vc tanto pensa, mas com certeza vc vai gostar. Eu tb aguardo ansioso o show do Exodus.

    Giovani, Êxodos ou Exodus, o importante é que estamos falando de uma das maiores bandas do planeta. Eu tb gostei muito das musicas escolhidas no episódio, a minha em particular é maravilhosa.

    Allan, torcemos muito por uma cena metal muito mais ativa pelo país todo. Os shows tem que correr esse nosso grande Brasil inteiro. Já disse muitas vezes que a culpa da maioria dos meus erros é dos dois que me acompanham. Eu escolho a musica, o Dani coloca no roteiro e na hora ele fala uma palavra em inglês... É o fim da picada.

    Galera grande abraço a todos, e mandem o wikiminute. RMasini.

    ResponderExcluir
  12. Andre Eberti2/2/12 10:30 AM

    Ouvi sim Rafa e amigos...

    Como esse Gary Holt é um kra bacana...!!! Já ouvi dizer isso por outras pessoas que ja tiveram contato com ele...
    Como disse no Twitter a vcs, ele é um referência pra mim como guitarrista, sem dúvida alguma...
    Se algum dia, rolasse algo como nakele filme do Michael Jordan com os Lonney Tunes (SPACE JAM, filme em que extraterrestres roubam as habilidades de gênios da NBA como Scott Pipen, charles Barklay, Patrick Ewing, entre outros. Ai eles passam a ter as habilidades de cada um dos kras) eu facilmente roubaria as habilidades do GARY HOLT para tocar guitarra rsrsrs

    Ele tem técnica pra solo, é rapido e a pegada é algo inacreditável...
    Akele show do Slayer, ele substituiu o Jeff Henneman com maestria, até pq ele é muito mais guitarrista que o Hanneman...enfim...é um monstro...
    Bem bacana ouvir Exodus e uma ótima entrevista como foi...
    Este programa já está entre os meus prediletos entre todos...muito bom...parabens aeee galera...

    abs e long live rock'n roll ...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pô André que legal que vc é fan mesmo do cara. No Slayer foi demais! E vc ainda encontrou com o Nando no final.
      Abraço, Masini

      Excluir
  13. Andre Eberti5/2/12 4:05 PM

    Rafinha

    Não foi bem no final, foi no intervalo, entre o Korzus e o Slayer...e trombei ele no banheiro sem nem saber qual de vcs era...shuahsuahuu...

    Como muitos sabem, iria falar algo, mas o momento, digamos nao era lá dos mais propícios...rsrs...

    abs

    ResponderExcluir
  14. Gary é simplesmente meu maior ídolo e vcs tiveram esta excelente conversa com ele, parabens wikimetal!

    ResponderExcluir
  15. Rafaela, ele foi muito simpático. A conversa foi muito inteligente, pois o Gary é um grande profissional.
    Obrigado pelo parabéns, e continue escutando o Wikimetal.
    Valeu,
    Masini

    ResponderExcluir