06 fevereiro, 2012

#060 - Lars Ulrich, Metallica. No Wikimetal !!!

Se o episódio #050 foi de arrepiar com a presença de Ian Gillan, único vocalista de 2 das maiores bandas da História (Deep Purple e Black Sabbath), a comemoração de 60 Episódios de Wikimetal, não podia ficar pra trás...

Lars Ulrich, líder e fundador do Metallica, no Wikimetal !!!

Para comemorar, além da entrevista com revelações sensacionais e sons pra quebrar o pescoço, o Wikimetal está abrindo 4 novas promoções (Sim, é isso mesmo. QUATRO promoções):
Todas relacionadas com o Metallica. Imperdível !!!

Neste episódio: Metallica e Sakrah
Promoção: Metallica

Ouvir  Download  RSS  iTunes

37 comentários:

  1. Renato Bacha7/2/12 12:50 AM

    O lars nao eh mt simpatico mas otimas respostas... A do senna entao...

    Otima escolha nando... All nightmsre long eh MUITO foda...

    Quero ganhar a camiseta!!! Abraacos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Renato, que surpresa mesmo a história do filme do Senna.
      Recebemos o teu email da promoção, agora é esperar o sorteio.
      Abraço, Masini

      Excluir
    2. Renato bacha7/2/12 1:10 AM

      Poxa ja foi o tempo que o mais rapido ganhava... Com sorteio nunca mais vou ganhar nada... E na moral Rafa, tu faz de proposito pra ser zoado ne?? Hahahaha. Abraaco

      Excluir
    3. Kd o teu Wikiminute Renato? Todos vão perceber o teu sotaque carioca, que vc diz que não tem.
      Masini

      Excluir
  2. Fala galera, ep e entrevista excelente. O Lars realmente nas entrevistas ele não mostra nenhum pingo de simpatia, fazer o que né.

    Agora to no aguardo de especiais do MAIDEN, o Wikimetal tem que fazer vários eps sobre a melhor e maior banda do mundo, ta demorando isso acontecer.

    Abração galera!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Flavius, acho que um dia quando nós do WM estivermos frente a frente com ele, ele vai ser mais simpático.
      Quanto ao Maiden, temos muitos episódios, DI'Anno, Bsides, esquenta pro show, cobertura do show. Mas claro que queremos falar com os caras. Vamos fazer de tudo pra esse grande dia acontecer.
      Abraço,Masini

      Excluir
  3. Douglas Jason7/2/12 10:03 AM

    Excelente escolha para o episódio #060, Metallica é uma banda gigantesca e dispensa comentários. Lars Ulrich não é lá um poço de gentilezas mas merece todo nosso respeito pois é um mito e fez muito pelo metal.

    Parabéns WikiTrio! Vocês fazem nossas segundas muito mais agradáveis...

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Douglas, GIGANTESCA. Concordo mesmo! Esse ultimo ep vem a confirmar ainda mais isso.
      Mr. Lars grande figura, e um grande profissional. Esperamos sempre fazer parte da tuas segundas.
      Abraço, Masini.

      Excluir
  4. Amigos, com tantas promoções, fica difícil a turma aqui dos coments não participar, eu mesmo já mandei minha resposta, ahah!
    Confesso que não sou tão fan assim do Lars, acho ele o menos inspirador e mais dominador da banda, com posturas que culminaram naquela que eu chamo, como fan mais radical (e com razão, tenho a fita do Metal Massacre e todos os 4 primeiros albuns em vinil), de fase apagada, com discos fracos, até mesmo resultando no St. Anger que pessoalmente acho um lixo...mas gostei muito da entrevista, ele foi bem sincero e direto, e curti muito suas palavras sobre o Brasil, apesar de que o James é muito mais emotivo...e ao ve-los de perto no RocknRio pude recuperar o respeito por essa banda que é um dos grandes pilares do Metal. Faltou também a célebre pergunta ssobre "qual música faz o Lars bater cabeça", aposto que ele iria responder "Holy Wars" do Megadeth, kkkkkk!!!!
    No Orgulho nacional achei interessante a banda Sakrah, tenho que ouvir de novo...e Rafinha, sinto muito, não dá pra fechar os olhos e imaginar você e o Lars sentandos e se toc...WTF!! Nããããoo mesmo, prefiro os olhos arrancados ao som de Hammer Smashed Face, do Cannibal Corpse, eheheheh...abração ao Power Trio e a todos aqui e até semana que vem, liberem esses prêmios aê! E até lá envio o WKMinute...valeu!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Allan, não adianta, eu gosto de tudo que o Metallica faz. Claro que separo os melhores álbuns dos que não saíram tão perfeitos. Sempre discuto com o Dani sobre o St. Anger, eu queria muito que eles tocassem alguma música ao vivo aqui no Brasil,acredito que mudaria a opinião das pessoas. Tb acho que ficou faltando a pergunta clássica, vai ficar pro James responder. É muito legal, vc sempre comenta as bandas do Orgulho Nacional, isso ajuda os caras terem um retorno do trabalho.
      Grande abraço, e saiba que não adianta arrancar os olhos. A imaginação continuará a atormentar o seu cérebro.
      RMasini

      Excluir
  5. Parabéns Wikitrio por terem conseguido uma entrevista tão grandiosa como essa, não é qualquer um que entrevista o Metallica.

    Gostei de algumas respostas dele, não gostei de outras (pra que 9 computadores da Apple em casa?), e é uma pena que tenha que ter sido nesse esquema mais impessoal, com certeza ele teria sido mais amigável se estivesse falando diretamente com vocês do que com os roadies ou sei lá quem tava fazendo as perguntas.

    Excelentes escolhas de músicas, eu também acho o Death Magnetic um dos melhores álbums do Metallica e All Nightmare Long é uma das músicas que me fazem bater cabeça aonde quer que eu esteja, pergunta clássica do Wikimetal.

    E que monte de prêmio hein, já corri pra responder os e-mails ontem a noite quando saiu o episódio, agora é torcer pra ganhar alguma coisa =). E fica aqui minha sugestão de promoção para o próximo episódio: tomar um chopp com Rafinha Hetfield. Apesar de todo o esforço de vocês para conseguir uma entrevista desse porte, sinto muito dizer mas o Rafinha cantando no finalzinho ofuscou todo o resto do episódio.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Maurício, nós tb sonhamos em entrevistar o cara pessoalmente, mas fico feliz que conseguimos dessa maneira. O Nando foi muito feliz na escolha da música, mas como vc falou, o Death Magnetic é repleto de boas escolhas.
      Fico muito agradecido pelo elogio, sempre quis ser o James Hetfield, ou o Wladimir, mas sou apenas um imitador barato dos dois.
      Grande abraço, Masini.

      Excluir
  6. Longe de estar defendendo o Lars, mas este eh o jeito dele, sempre foi assim mesmo nas entrevistas, independente dela ter sido impessoal ou "tete-a-tete" como diria o Rafa e nao acho que ele tenha sido antipatico e sim direto. Ele respondeu e comentou o que foi questionado.

    Claro que se espera mais simpatia, ate porque os entrevistados tem sido assim para sorte do Power Trio o que tem propiciado melhores entrevistas.

    Lembro que o Ricardo Batalha ai mesmo no podcast contou a experiencia que teve numa conferencia de imprensa e comentou q ele, Lars, respeita jornalista que sabe o que esta perguntado e demonstra conhecer a banda a fundo.

    E no Furia Metal especial cobrindo o show do Metallica em 93 pelo Gastao Moreira, cuja entrevista foi feita diretamente e pessoalmente, que inclusive o Viper abriu, o Lars teve o mesmo tipo de envolvimento que esta, entao, nem da para falar que ele deu uma de estrela.

    De qualquer forma, eh um marco pro Wikimetal. Parabens novamente. O Rafa deve estar nas nuvens, "tocando" o Lars ainda. hahaha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Renato Bacha7/2/12 9:00 PM

      Grande Giba, acho que quem é fã do Metallica sabe que ele é assim, eu só comentei que ele não é muito simpatico por isso mesmo que voce falou, sobre o nosso wikitrio sempre ter dado sorte com a simpatia dos outros...

      Abraço!

      Excluir
    2. Pois é, ele respondeu muito bem as perguntas, de maneira completa e sem bullshit, como ele mesmo disse várias vezes. Só que depois de tantos entrevistados super gente boa e bem humorados, quando a gente vê um entrevistado mais sério (é o jeito dele mesmo) fica aquele sentimento de frieza mesmo.

      Excluir
  7. Renato e Maurício, ja que estamos falando de frieza, vcs estão respondendo pro cara certo. O Giba me mandou fotos la da cidade dele na Alemanha, e a coisa esta realmente gelada em Hamburgo. O Porto e lago congelados.

    Giba, saiu na foto com gorro e cachecol da Inter. Que friaca!
    Não importa, é o jeito Lars de ser. Foi realmente um marco. Queremos que esse ano boas oportunidades apareçam, e começamos com o pé direito.
    Eu estou quase nas nuvens.Isso vai acontecer quando eu conhecer pessoalmente o James. De arrepiar. O Wladimir eu ja conheci e chorei.
    Abraço, Masini

    ResponderExcluir
  8. Poha, Rafa, descupa a "gonorancia", mas só conheço 2 Wladimir: o porteiro d prédio e o cachorro raça fila da vizinha que é bipolar e chato bagarai...WTF is Wladimir??? KKKK...valeu e novamente um grande abraço, com pé no chão e taciturno, sem imaginar porra de nuvem nenhuma!!! \,,/,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Wladimir, grande lateral do Corinthians. Foi o cara que mais jogou no timão. 804 jogos, 14 anos como titular.
      Abraço, Masini.

      Excluir
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Baixando esse, quero ganhar a camiseta também rs


      Abração, depois de ouvir esse mando um e-mail :D

      Excluir
    2. Arthur, espero que vc goste do episódio. Fico aguardando o teu comentário.
      Valeu, Masini.

      Excluir
  10. Com as imposições impostas pela equipe que acessora o Metallica diria que o powertrio conseguiu tirar leite de pedra! Estou certo que todos concordam que a entrevista não está entre as melhores do Wikimetal. Mas, se pensarmos bem, somente com 1 ano de programa e já ter um retorno positivo desta que é a maior banda de metal (pelo menos em números) da atualidade, é preciso parabenizar novamente o Wikimetal!

    Fico imaginando quantos "não" vocês devem ter ouvido da acessoria da banda... Sem dúvida a qualidade dos últimos 59 episódios, o retorno cada vez melhor por parte dos ouvintes e a perseverança de vocês foram fundamentais para chegar até aqui. Parabéns de verdade!

    Particularmente o Metallica não anda muito em alta pra mim. Continuo headbangeando ao ouvir a maioria das músicas. Gosto bastante de todos os álbuns, até mesmo o mal gravado St Anger, mas acho que a atitude dos caras deixou de ser Heavy Metal há tempos. O "Some Kind of Monster" me fez pensar "como esses caras são corajosos por permitirem a veiculação de um documentário como esses", mas também me deixou com aquele inevitável pensamento "que bando de babacas".

    Vamos torcer por mais possibilidades e entrevistas cada vez mais surpreendentes. Nesse rico ano de 2012 com vários shows de grandes bandas no Brasil, estou certo que podemos esperar por muito material excelente. É o Wikimetal em ascenção exponencial, kkk!!!

    Abraço a todos os wikibrothers e wikisisters!

    ps: muito boa a qualidade da gravação do Sakrah. Vou procurar por show dos caras aqui em SP!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Juninho, tb quero ir a um show do Sakrak. Quem sabe não tomamos uma cerveja juntos como no show do Di' Anno.
      Quanto ao Metallica, o som é indiscutível. Mas os caras estã muito na midía. Uma exposição muitas vezes desnecessária.
      Obrigado por torcer por um bom ano. Muitas vezes queremos falar com todo mundo que passa pelo Brasil, mas não é fácil. A luta continua.
      Abraço, Masini

      Excluir
    2. Sem dúvida, Rafa! Só que no próximo show que a gente se trombar não vai ser apenas uma, rs!!!

      Aliás, o próximo grande show (Iced Earth? Exodus?) que tivermos em SP é uma bela desculpa pra reunir o maior número possível de wikibrothers. Vamos ver se conseguimos organizar isso através do site e mídias sociais. Uma cerveja coletiva não seria má idéia.

      Excluir
    3. Grande idéia Juninho. Vamos fazer uma campanha.
      Abraço.
      Masini

      Excluir
  11. a pronúncia correta é Lars Uric! (com o c pronunciado commo k) não Urissh.... como ele próprio diz: is Uric you fuckers!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo, obrigado pelo toque. Na maioria das vezes sou eu quem erro, mas dessa vez acho que os três pisaram na bola.
      Valeu, Masini.

      Excluir
  12. Pelo que eu vi o pessoal achou ele grosso, mas eu achei ele bem de boa nessa entrevista. Ele nunca foi um poço de amor e simpatia, não é atoa que muita gente odeia ele. Mas ele deu umas respostas bem completas e interessantes. Eu nunca fui fã dele, acho pentelho e tem um dos sotaques mais irritantes da face da terra haha. E pelo que eu sei o Metallica também é bem chato pra dar entrevistas. Uma pena. Lembro de uma edição da Roadie Crew que eles contaram todo o drama que foi pra conseguir falar com os caras, mandar nego pra Espanha ou coisa do tipo O.o Mas pelo menos vocês conseguiram, mesmo não saindo do jeito que deveria.

    Muito boa as perguntas. Gostei da do Cliff. Acho que foi o único momento em que eu realmente senti que ele foi meio grosso, mas entendo o lado dele. Não deve ser nada fácil falar de alguém assim, mesmo depois de tantos anos. E bem emocionante mesmo a parte que ele fala do Senna, um dos nossos grandes heróis nacionais. Mesmo daqueles que nem gostam de esportes. Senti muito orgulho de saber que o Lars se emocionou com o filme.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mallu, eu gostei muito da maneira que ele respondeu. Não tem jeito, o cara é o baterista do Metallica e tem sempre duzentas mil pessoas querendo falar com ele.
      O Senna é um grande herói, e é bom saber que que os nossos heróis ganham o mundo. Obrigado pelo comentário, e continue escrevendo.
      Abraço, Masini

      Excluir
  13. Andre Eberti10/2/12 10:18 AM

    Rapaziada...

    Entrevista LENDÁRIA...

    Programas de metal em rádios, muito mais antigos até mesmo que o podcast, jamais conseguiram sequer um suspiro das palavras do Lars...realmente, independentemente de como foi feita a entrevista, vcs fizeram um grande trabalho... e mesmo as perguntas selecioadas por eles (ou seja, as menos contundentes...) acabaram sendo boas...realmente vcs mandaram muito bem...
    Em relação ao Lars... no news...UMA DAS MAIORES MALAS DA HISTÓRIA DO HEAVY METAL... rsrsrs o Metallica é possivelmente minha segunda banda em termos preferência e de todos os kras, o que menos simpatizo é o Lars...porém desta vez ao contrário do que alguns disseram, achei ele mais simpático do que o habitual...! Ja vi e ouvi outras entrevistas dele em que ele foi muito antipático e ate lacônico em alguns momentos...!Nessa entrevista não, achei ele bem expansivo em suas respostas e colocando as coisas com clareza e de forma interessante a quem ouve...
    Foi um Lars Ulrich surpreendente eu diria...
    E concordo com o Nando; de repente uma entrevista com o James seria muito mais legal e aberta...e eu diria até mais...até com o Kirk creio que a conversa poderia ser mais aberta e ao estilo tradicional do Wikimetal...

    Mas assim... isso são detalhes... ele é do METALLICA KRA...ELE É O LARS rsrsrs...ele pode...

    abs amigos...mais um ótimo programa...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. André, isso mesmo! Ele é do Metallica! Falar com o James pessoalmente, é mais que um sonho. Eu ia poder morrer bem feliz depois que isso acontecesse.
      Que bom que vc gostou do episódio, e continue escrevendo aqui no site.
      Abraço, RMasini

      Excluir
  14. du caralho wikimetal!!!!po o LARS do metallca muito foda..
    a entrevista ficou muito legal...as musicas como sempre muito bem escolhidas...
    e 4 otimas promoçoes...
    sem comentarios parabens wikimetal pela historica entrevista..
    abraço.
    e ooo rafinha e comedia kkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Giovani, que bom que vc gostou. As promoções são demais, pena que eu não posso ganhar. Valeu pelo Parabéns.
      Abraço, Masini

      Excluir
  15. Pedro Guanais10/2/12 8:40 PM

    Adorei! Sensacional! Fantástico!Parabéns wikibrothers, curti mto as promoções. Eu nunca esquecerei este momento. Entrevista histórica. Vou escutar todos os dias.

    Abraço!

    METALLICA!!!!

    ResponderExcluir
  16. Muito legal Pedro, vc comentar aqui no site! Participe sempre.
    Grande Abraço, Masini

    ResponderExcluir
  17. Parabéns pelo programa e continuem assim a qualidade é excepcional gostei principalmente desses dois últimos pois o som mais agressivo do thrash do exodus e do Metallica tambem marcaram ponto seria legal um programa só com death metal e black tambem, mas só de ouvir o baterista da melhor banda de heavy metal na minha opinião já ta valendo long live to wikimetal!

    ResponderExcluir
  18. Rodrigo, muito obrigado pelos elogios. A idéia de montar um episódio só com Metal mais extremo ja esta na nossa cabeça ha muito tempo. Esse dia chegará e vou esperar o teu comentário pra saber se vc gostou.
    Grande abraço, Masini

    ResponderExcluir