02 abril, 2012

#068 - Tarja Turunen. Agora. No Wikimetal !!!

Tarja Turunen é a nossa convidada especial deste episódio do Wikimetal.

A ex-vocalista do Nightwish que desembarca no Brasil para 3 shows nesta semana (Porto Alegre, São Paulo e Rio de Janeiro), se mostrou tão simpática e atenciosa que foi muito legal termos uma artista como ela no Wikimetal.

E o trio feminino da banda Nervosa detona seu Thrash Metal no "Orgulho Nacional" desta semana.

Quer ganhar o novo CD do Iron Maiden "En Vivo!" que acabou de sair ? Ou prefere ganhar ingressos para os shows da Tarja Turunen em São Paulo e no Rio de Janeiro ? Ou quer ganhar tudo ?
É ouvir, responder às perguntas e participar dos sorteios.

Neste episódio: Tarja Turunen, Queen e Nervosa
Promoção: Ingressos para Tarja Turunen  CD En Vivo! (Iron Maiden)

Ouvir  Download  RSS  iTunes

38 comentários:

  1. Opa galera!! vcs me acostumaram mal... to desde ontem esperando o episódio. Vamos ver o que rola néh?

    ResponderExcluir
  2. Baixando pra ouvir no trabalho :D


    Vocês como sempre com a pontualidade inglesa.

    ResponderExcluir
  3. Fala pessoal!

    Muito boa a entrevista, por mais que não goste de Nightwish (questão de gosto mesmo), respeito a qualidade da Tarja. Pelo pouco que eu conheço da banda, sei que ela tem bastante carisma e a entrevista refletiu muito isso.

    Parabens para a banda do Orgulho Nacional - Nervosa...Já tinha ouvido algumas coisas no Myspace, realmente é muito foda!! Não tive a oportunidade de ve-las ao vivo, mas parece que elas irão abrir para o Exodus aqui em SP. Procede?

    E casamento com o Renato Bacha...Porra Masini, vai a merda!! Hahahahaha...

    Ahh, esqueci o nome do Wikimate que falou de sons dos anos 60/70..Recomendo a banda Graveyard. Tenho os 2 albuns e são demais, a banda é relativamente nova e faz um som bem setentista.

    Abraços!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Augusto, eu quiz dizer casamento entre os comentários, os dois que zoaram pra variar. O nome do Wikimate é Cyrille, e ele vai adorar sua boa dica. Posso estar errado, mas acho que quem vai abrir o show do Exodus em São Paulo é o Claustrofobia. Vou consultar pra te responder com mais precisão.
      Abraço, Masini

      Excluir
  4. Andre Eberti2/4/12 4:56 PM

    Kra...Mike Portioli foi foda...shaushuahsuahsuhauuu...

    Estou no trabalho, acabei rindo alto aki...
    shuahsuhasuau...

    O que me chamou a atenção, além da simpatia e elegância nas respostas da Tarja, foi a profundidade que ela deu as respostas, algo que nem todos os entrevistados se dispõe muitas vezes...e nem por malismo ou algo assim, de repente é até por falta de recursos para se aprofundar mesmo na conversa após uma questão a qual ele nao entendeu ou nao quer falar, enfim...me impressionou este ponto...
    Confesso que na parte das musicas dei uma ligeira acelerada...rsrs...mas a entrevista mais uma vez foi ótima...e ela escolheu QUEEN né...SEM PALAVRAS...

    Qto ao Nervosa, já tinha ouvido em algum lugar, muito boa mesmo...
    É muito bom ver novas bandas de thrash metal surgindo, algo que nao é exatamente normal comparado a outras vertentes do metal...
    Curti anteriormente e curti novamente no Wikimetal...

    Qto ao show de sabado, foi bem loko...pra nao dizer que foi do KRALHo...RSRSRS...
    Tomei uma cotovelada no show do HATEBREED que nem vi de onde veio...suahsuauhu..mas que seja, nem senti, pois pra mim, foi o melhor show dos 3...ANIMAL...mas isso é papo para um futuro episódio, imagino eu...
    PRazer ter conhecido o Nando e Daniel pessoalmente, tomar uma brejas com eles, sao caras muito bacanas tbm, assim como o Rafinha que já conheci anteriormente...temos de marcar realmente uma cervejada, porém uma que dê certo...rsrs...a que agitei foi fail...
    Abs tbm ao Lucas, ouvinte tbm do programa que reconheceu os kras pela voz...vejam só...sem falar na coincidencia na fila, onde encontrei um kra que ganhou um ingresso pro show do WIKIMETAL e estava exatamente a minha frente e eu nem conhecia o cidadão...shuahsuahsuauu...pura cagada...abs ao mlk tbm, gente fina...

    Abs amigos e long live wikimetal...

    ResponderExcluir
  5. Andre Eberti2/4/12 4:59 PM

    Ah nossa...esqueci de citar o Augusto tbm kra, que mancada...rsrs

    Ele se atrasou no trem, mas ainda sim trombei ele na fila, trocamos uma ideia rápida, puta de um kra gente boa... e nessa nova cervejada aee com certeza o Augusto vai...

    abs kra...

    ResponderExcluir
  6. Renato Bacha2/4/12 5:28 PM

    Voces são fodas, me zoaram, tambem vou zoar!

    Po, em 67 episodios vcs não repetiram ninguem e agora no 68 voces repetem? que criatividade hein! pqp!! Não tinham ninguem melhor pra fazer essa entrevista?!

    Rafa, faltou vc falar do Adrenaline Mob tambem!

    Abraaço!

    ResponderExcluir
  7. Renato Bacha2/4/12 5:38 PM

    CELSO PORTIOLLI E MIKE PORTNOY!!!

    AGORA LEIA ISSO RAFINHA!! AHAHAHAHAHAHA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. KKKKKKKK

      Ri muito no final. Love is my life foi massa tb kkkkkkkkkkkkkkk

      Excluir
    2. kkkk, cara ri alto aqui no trampo, rsrs! Mike Portiolli e Celso Portnoy.

      Excluir
  8. Pedro Guanais2/4/12 6:20 PM

    CURTAM NO FACEBOOK: GOD GAVE WIKIMETAL TO YOU!!!

    ResponderExcluir
  9. Nossa, o que foi essa Nervosa?

    Nervosa mesmo e bem definido: Destruction de saia. Caramba, que baita banda. Pra mim, ao lado do Woslom, Polaris e do Divine Uncertainty, as melhores disparadas do Orgulho nacional, com o diferencial q o som que o Nervosa faz me agradou mais, aliada a uma producao praticamente impecavel. Tem futuro mesmo as garotas. Parabens e que colham muito sucesso daqui pra frente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. André, foi muito legal mesmo o sábado. Além de três grandes shows, as cervejas com vcs foram divertidíssimas.Com direito a saideira na saída do show. O Lucas também foi muito legal de ter reconhecido a gente pela voz. Que bom que vc curtiu a entrevista com a Tarja, foi realmente marcante. E a Banda Nervosa foi unanimidade total nos comentários.

      Renato, vou falar. Que som animal. Outra banda que estou escutando direto é o Freak Kitchen. Uma levada de guitarra de arrepiar.
      Continue me dando essas dicas boas. São muito bem vindas.

      Pedro, Vamos divulgar!!!! Galera curtam la no Face!!!

      Giba,Vê o clipe delas. Muito bem produzido. Uma grande banda, mas um grande orgulho nacional. Esperamos mesmo que seja mais uma banda Brasileira arrepiando os gringos por esse mundo a fora. Quem sabe em breve vc não acaba vendo o show dwlas ai na Alemanha.

      Abraço, Masini

      Excluir
  10. Andre,

    Permita me discordar de voce quanto ao surgimento de boas bandas de Thrash Metal.

    Atualmente o Brasil e a America do Sul eh um celeiro do genero.

    Da decada passada pra ca alem de ter surgido o Violator, Bywar e Farscape que sao duca*****, a melhor banda de thrash metal atual que escutei recentemente sabe daonde vem?

    DO PARAGUAI!! Ja indiquei ao Rafa o The Force, banda de Asuncion que foi sucessora do Overload de la que ja era boa suficiente.

    Eles tocam Thrash old school com influencias de NWOBHM. Confirem no You Tube, nao vao se arrepender:

    http://www.youtube.com/watch?v=piAY3z33tg0

    Alias, os 2 discos deles foram lancados pela Kill Again Records de Brasilia que eh especializada em thrash brazuca de primeira. Abram os olhos.

    Sao 2 discos, o Possessed by Metal e o Nations Under Attack.

    Altamente Recomendavel. Thrash de primeira.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Giba The Force é muito phoda mesmo...Escutei primeira vez em uma coletânea da Kill Again é a banda manda super bem, pra quem não conheçe ae compra os cds dos caras, eles mesmo vendem d boa só mandar email pros caras!

      Excluir
  11. Andre Eberti2/4/12 11:26 PM

    Fala Giba

    Primeiramente agradeço a indicação da banda paraguaia...boa pra kralho... to ouvindo aki outros sons até..muito boa mesmo...

    Qdo eu digo novas bandas, eu me refiro mais até em termos de números de bandas mesmo, pois apesar de todas estas que vc citou, como o Violator por exemplo, serem boas, ainda sim considero um número pequeno de bandas de thrash em relação a novas bandas de power metal, death e melódico, por exemplo...

    Falta uma banda carro chefe da nova geração sabe...eu quis dizer mais neste sentido...

    Pq assim...pensando rapido aki... no Power Metal, vc tem uma banda como o DragonForce dominando...no Death Melódico, talvez o Arch Enemy...no Heavy tradicional...uma RENCA...no thrash, quem nós temos no top? ... essa é a minha questão, entende...
    Falta alguém novo que cause repercussão nas pessoas...


    Mas é só minha visão...posso estar completamente errado...shauhsauhsuau...faz parte...

    abs kra...

    ResponderExcluir
  12. Mais um ótimo trabalho galera parabéns!!!

    Orgulho nacional, muito boa a banda "Nervosa", não conhecia, vou buscar novas músicas, vlw abração!

    ResponderExcluir
  13. Fala Andte esre.

    Eu tinha entendido totalmente o teu ponto de vista, embora ache que o numero de bandas de thrash surgindo ainda seja significativo. De uma decada pra ca apareceu varios nomes, diferente do cenario da decada de 90 que muitas bandas (ate seminais) acabaram e ninguem queria formar banda deste estilo, pois o mesmo se encontrava totalmente em baixa naquele momento.

    Por exemplo, a minha tese eh que desde a citada decada passada ha mais banda de thrash aparecendo que por exemplo o metal melodico que tracando um paralelo eh um estilo que esta praticamente morto nos ultimos 5 anos assim como o thrash sofreu forte baixa de 95 pra 2000. Bandas carro chefe deste subestilo estao tambem enfraquecidas e enfraquecendo, publico minguando e tornando bem escasso e por isso nao tem surgido mais quase nenhuma banda desta vertente, da mesma forma que no final da decada de 90 tambem o Black Metal estava crescendo, em alta e hoje ja nao tem o mesmo apelo em geral que tinha naquela fase.

    No metal, queira ou nao, vai ter gente que nao vai gostar do que vou dizer, ha modismo tambem. e a coisa eh meio ciclica, vai e volta. O thrash reapareceu felizmente, ressurgindo das cinzas e isso pode um dia quem sabe acontecer por exemplo com o Hard Rock. E muito disso eh fruto de bandas novas que nao seguem modismo, fazem com amor a coisa e de repente estouram, ai se cria um revival com as bandas antigas e novos fas acabam indo atras dos nomes que ficaram pra tras.

    Voltando ao cerne de nossa discussao, concordo inteiramente contigoo que o thrash nao ha um novo nome que seja carro chefe como os demais subestilos possuem atualmente, mas acho isso no fundo muito legal, pois como um todo, as bandas permanecem underground e este laco entre elas so tende a fortalecer. E o publico que gosta mesmo de thrash, nao eh restrito a dar atencao somente aos medalhoes. Com isso, a partilha entre todas as bandas tendem a ser mais justa, equilibrada e as bandas se sustentarem com o apoio do publico, pelo menos, esta eh a minha visao. Ganha se pouco, mas nao ha um abismo, uma desproporcao quando ha medalhoes e bandas muito pequenas que passam batido.

    E em discussao, nao ha muitas vezes o certo e o errado e sim visoes diferentes , porem, coerentes, fundamentadas.

    ResponderExcluir
  14. Ja que o The Force esta meio que repercutindo por aqui, vou dar uma dica para quem quiser os CDs, alias, peco desculpas de antemao que desvirtuei o topico por completo.

    A gravadora deles, a citada Kill Again Records vende diretamente o CD para o varejo tambem. Entao, da pra pedir la. Eles tem em catalogo disponivel no momento so o Nations Under Attack de 2011, sai so 15 reais mais o frete. Pra quem nao pode comprar o disco em lojas especificas em grandes cidades, cuja distribuicao eh bem restrita, vale a pena comprar direto pela Kill Again. Fiz isso com este disco e o DVD do Violator que saiu tambem so 15 pilas, compensou muito o frete. Saiu mais barato que comprar na Galeria do Rock.

    Ja o primeiro album deles, o Possessed by Metal de 2008, nao se encontra disponivel mais pela gravadora, e eu achei por intermedio de um amigo na Galeria do Rock por 20 reais. Precisa ir atras e lapidar, mas vao atras logo, pois ja esta fora de catalogo. A menos que a Kill Again, que eh esperta, lance uma nova prensagem ou relance, vao ficar sem quem bobear.

    Outra dica que dou nesta linha eh o mito argentino MALON que voltou recentemente. A quem nao tiver preconceito por ser cantado em espanhol, esta banda eh FODIDA, show deles eh responsa e poem qualquer casa, estadio abaixo. No site deles tem umas 5 musicas tocando direito, vale a pena ir atras. fica a dica www.malonmestizo.com Daniel Dystyler tai pra comprovar se a banda eh boa ou nao.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Giba, grandes dicas. Vc e o André contribuíram e muito pra pensarmos sobre o Metal e seu futuro. Mas sim ele segue forte, temos orgulhos em todos os países e vc ja me apresentou grandes bandas na língua espanhola.
      Valeu, Masini

      Excluir
  15. Galera, episósio demais! sempre curti o Nightwish principalmente nos primeiros albuns,gostei do som da carreira solo da Tarja. Muito boa a entrevista e ela é muito simpatica e inteligente. E essa banda nervosa em? pqp...demais!
    abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A banda é nervosa literalmente, mostrei o som pra um colega do trabalho ai ele ficou besta que eram mulheres. Demais mesmo o som delas

      Excluir
  16. Bem, sobre o episódio não tem muito a acrescentar, pois vocês tem um padrão de qualidade. Sempre mantendo esse padrão com perguntas inteligentes, traduções dinâmicas e simpatia.

    Como disseram, a Tarja é muito educada e simpática. Respondeu à todas questões de maneira profunda, não monossílaba como alguns músicos por aí.

    E mais uma vez vocês despertaram a vontade de revisitar os discos do Nightwish bem como conhecer mais a fundo a carreira solo da Tarja.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jailson, Uma mulher elegante, bonita e metal. Muito comprometida com o trabalho. Nervosa é mais um grande orgulho.

      Arthur, Espero que vc esteja curtindo a viagem desde o ep 1. Vc vai perceber que sempre preparamos uma boa entrevista e com o cuidado de não se evasivos.
      Enjoy.

      Flavius, realmente a galera curtiu muito o som dessas Nervosas mulheres. Elas um clipe oficial, muito bom.

      Valeu, Masini

      Excluir
  17. Deixa eu dividir meu comentário em 2. Primeiro pro Wikitrio: excelente entrevista, e como o pessoal comentou, ela foi super simpática e deu respostas bem legais. E eu ri demais com Mike Portioli e com loving my life/love is my life ("cantei assim a vida toda") ahahauhua. Voltando à entrevista, só senti um pouco de rancor quando ela fala que é impossível alguma coisa com o Nightwish, pelo jeito ficou tenso o clima entre eles. Mesmo ela tendo falado que isso era "por agora", me pareceu que era algo "nunca mais quero tocar com eles". É uma pena, o Nightwish perdeu muito com a saída dela (na minha opinião), e queria ter a chance um dia de ver um show deles com a Tarja.

    Segunda parte do meu comentário: quanta interação dos wikimates! Tá cheio de sugestão de banda aí pra ouvir, to ouvindo o tal The Force enquanto escrevo agora e to curtindo. E eu concordo com o Giba sobre modismo, acho que existe sim. E também acho que pode ser uma coisa boa, no meio de uma cena dominada por algum estilo em alta no momento pode ressurgir alguma coisa que já "teve seu tempo". Eu até já tinha comentado isso em algum outro episódio que falamos sobre o metal atual (aquele com o Bullet for my Valentine, eu acho) e outras bandas mais novas que seguem uma linha mais metalcore, que pra mim é o modismo atual. E agora falando especificamente sobre Thrash, acho até que faz parte do estilo ser mais underground que outros, por isso também não consigo citar uma banda como sendo carro chefe.

    Agora chega de escrever, quero ver o Wikitrio ler tudo isso.
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Maurício, acho que passarei a vida toda cantando muitas músicas erradas. O que mais me arrepia nas trocas de informações entre os Wikimates é o conhecimento sobre Metal, e o respeito que eles tem ao trocar opiniões.

      Valeu, Masini

      Excluir
  18. Mauricio,

    Apesar do Rafa estar mais presente aqui no site, pode ter certeza que nós 3 SEMPRE estamos lendo TODAS as mensagens que vocês mandam, sejam elas longas ou curtas, é muito legal proporcionar essa interação da galera do Metal aqui,

    Estou prestes a fazer mais uma grande entrevista com um grande nome do Metal mundial, desculpem mas vou deixar a surpresa no ar!!!

    Grande abraço e LONG LIVE ROCK´N ROLL

    Nando

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só pra corroborar o que o Nando escreveu, no sábado durante o show do Lamb Of God, eu conversava com alguns WikiBrothers, dizendo que os comentários, emails, tweets, etc, que vocês mandam é o combustível pra gente se motivar e continuar batalhando pra fazer um núcleo de Metal cada vez melhor.

      Quanto mais comentários e mais longos, melhor !!!! A gente lê tudo !!!

      E vem muita novidade do Wikimetal ainda neste semestre... Aguardem !!!!

      Abração, Daniel.

      Excluir
  19. Muito boa a entrevista. A Tarja sempre foi apontada como responsável pela separação do Nightwish, mas nas entrevistas dela, ela sempre é muito educada e atenciosa. É um caso a se pensar antes de julgar, sendo que eu mesmo julguei na época.

    E o som do Nervosa é muito bom, não conhecia a banda. Mais uma revelação para o "Orgulho Nacional".

    ResponderExcluir
  20. Pessoal,

    Alguém vai no SODOM aqui em SP no sábado (7/4)?

    Abraços!

    ResponderExcluir
  21. Marcel, as vezes as coisas chegam distorcidas e o julgamento é inevitável. Ela é uma grande guerreira e muito sincera na entrevista.
    Quanto ao Nervosa, Animal!

    Augusto, desta vez eu não poderei ir. Infelizmente. Vai ser um grande show. Nunca vi os caras ao vivo, mas os discos sào de arrepiar.

    Abraço, Masini

    ResponderExcluir
  22. Sei que não tem nada a ver com o assunto, mas já faz um tempo que tava pra sair um documentário sobre o Jason Becker. Porém, por falta de patrocínio ainda não rolou.

    Sei que sempre aparecem shows e etc, onde surgem as entrevistas, que pro formato do programa é bem mais interessante. Mas seria uma baita homenagem pros fãs um especial sobre o lendário Jason.

    ResponderExcluir
  23. Anderson nascimento5/4/12 10:13 AM

    E ai WikiBrothers

    Muito bom..o podcast dessa semana a Tarja foi muito atenciosa e espero que no futuro ver ela e o nightwish num show no brasil.
    divergência de opiniões sempre vão acontecer não só com as banda de rock, mas na vida isso é um fase natural para o madurecimento.
    Com o tempo é o melhor remédio só basta nós fã da boa musica esperamos um retorno ou um show conjunto.
    Os primeiros episódios do Wikimetal não estão disponivel no itunes eu posso baixa-los no site ?

    ResponderExcluir
  24. Arthur, grande idéia. O cara merece sim não só do Wikimetal, mas de todo o mundo metal uma homenagem. Não tenho informações de como esta o estado de saúde dele hj em dia, mas ele e sua guitarra são verdadeiros guerreiros.
    Valeu.

    Anderson, sim vc pode baixar no site sim. Vc pode ou só escutar ou tb baixar.
    Também acho que as divergências ajudam tanto no amadurecimento das bandas como no dos fãs. Valeu pelo comentário.

    Abraço, Masini

    ResponderExcluir
  25. Thiago Rahal Mauro6/4/12 5:37 PM

    Olá Nando Machado, Rafael Masini e Daniel Dystyler, tudo bem?

    Muito boa a entrevista com a Tarja Turunen, aliás como muitos falaram ela sempre se mostrou interessada em entrevistas e passa algo diferente para os fãs e mídia. Para quem não me conhece eu escrevo para a revista Roadie Crew e tenho uma ligação "familiar" com o pessoal do Wikimetal. Escrevo para contar uma história interessante sobre a banda da Tarja, mais exclusivamente do baterista Mike Terrana.

    Ano passado quando eles vieram pra São Paulo tocar no HSBC Brasil eu fui escalado para fazer um Blind Ear com o Mike Terrana. Cheguei no hotel e ele desceu do elevador sem aquele cabelo moicano, normal, quando falei que ia tirar foto ele voltou pro quarto e de volta estava pronto pro show. Ele é muito simpático e ainda por cima me deu um pendrive com videoclipe e músicas solo dele. A presença dele no show da Tarja traz algo diferente e um peso interessante, ele é um dos melhores bateristas da atualidade.

    ps: precisamos armar aquele texto que combinamos, não é?

    Abraços

    ResponderExcluir
  26. Thiago, é uma honra a tua participação no nosso site. Essa tua história com o Mike poderia ser gravada num Wikiminute, pense nisso. Ela é muito boa.
    Sempre que tenha algo a completar em nossos episódios esteja a vontade pra escrever. Concordo com vc que o último cd do Van Halen é excelente e candidato a melhor de 2012.
    Abraço, Masini

    ResponderExcluir
  27. Obrigado por comentarem a nossa interação neste episodio sobre fazer um programa com as bandas mais antigas. Eu so espero não ter criado uma briga entre vcs por não saberem quem perdeu o tal programa!

    Grande abraços a todos vcs e hoje vou assistir Rival Sons!!!

    Cyrille Feybesse

    ResponderExcluir
  28. Cyrille, vou te contar. Estudamos um monte de coisa separadamente, vimos um filme juntos, fizemos a pauta e gravamos o grosso em duas horas e meia. Dois dias depois quando o Dani foi editar e ligou desesperado. Ou seja, foi ele quem perdeu. Mas faremos outro com muito prazer. ë sempre bom falar dessas bandas que nos ensinaram a gostar de Meta.
    Grande Abraço, Masini

    ResponderExcluir